Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cinco Horizontes

Porque é importante não ter só um

Cinco Horizontes

Os filhos dos outros

 


Já tinha acontecido com o fenómeno Tokyo Hotel e volta a repetir-se: a loucura das adolescentes que as leva a ir para o local do concerto dias antes e por lá pernoitarem, muitas vezes acompanhados pelos pais. É fácil erguer a voz para dizer mal: das adolescentes, que não percebem a estupidez de terem tatuagens dos seus ídolos, dos pais, por deixarem que os façam e ainda se juntarem à festa.
 
Se há coisa que ser mãe me ensina todos os dias é que é muito fácil falar de fora, criticar a forma como as outras pessoas educam os seus filhos. Se eu deixava uma filha minha fazer tatuagens do seu artista preferido aos 15 anos? Muito provavelmente não, tentando explicar-lhe que já tive 15 anos, já tive grandes pancadas por figuras públicas e que isso passa. Mas quem sou eu para condenar a filha que quer e os pais que deixam?