Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cinco Horizontes

Porque é importante não ter só um

Cinco Horizontes

Google Reader



Eu nem tinha a noção que o Google Reader apenas existia desde 2005. Uso este serviço do Google desde 2006, e desde então que é companhia diária na minha utilização da Internet. Tenho vários interesses e muitos blogues/sites que gosto de seguir, por isso o Google Reader tornou-se uma ferramenta fundamental para me manter a par do que por lá ia sendo publicado. 

Ontem, o Google anunciou que a partir de 1 de Julho deste ano o Reader vai ser desativado. Quando apareceu o Google+ e optaram por retirar a funcionalidade de partilha ao Reader, não foi nada bom sinal. Depois, anos e anos sem fazer alterações a nível de design ou funcionalidades do Reader deixavam adivinhar que este produto era tudo menos a prioridade da malta do Google. Apesar de este anúncio não ser propriamente uma grande surpresa, não deixa de ser uma notícia muito triste. O Twitter, where all the geeks live, está possesso, e "Google Reader" continua a ser trending topic várias horas após o anúncio. 

Não tenho grande esperança que o Google volte atrás na sua decisão. Dizem eles que decidiram terminar o serviço porque a "usage of Google Reader has declined, and as a company we’re pouring all of our energy into fewer products." Ou seja, vamos concentrar-nos no Google+. Eu não gosto do Google+ e não me vão obrigar a utilizá-lo, até porque obrigar alguém a utilizar um serviço do género com artimanhas como a dos comentários do Youtube, por exemplo, não é um bom princípio nem um bom augúrio para o futuro do serviço. Digo eu, que não percebo nada disto.

Não escondo que sou (fui?) fã dos vários serviços Google e daqueles que foram adquirindo. Utilizo o Gmail intensivamente e não pretendo mudar de e-mail, mas vou procurar alternativas ao Blogger, Drive e Calendar, que são os que mais utilizo.

Para já, fica aqui um artigo que resume o que foi sendo publicado pela internet com várias alternativas ao Google Reader.

2 comentários

Comentar post